Wireless corporativo

Veja como os Erros de Planejamento, Excesso de Equipamentos e Falta de Configuração podem gerar problemas no Wireless corporativo

Sua rede, às vezes, fica lenta ou trava? Isso é sinal de que alguma coisa mais grave pode estar prestes a acontecer, sabia? Então, é hora de analisar o ambiente e identificar os Problemas que podem prejudicar seu Wireless corporativo.

Existem diversas falhas e origens possíveis – e, por isso, é sempre bom investigar. A lentidão, por exemplo, pode ser proveniente de diversos pontos da infraestrutura de rede. Mas para facilitar sua procura, destacamos 3 possíveis causas. Veja só:

Falta de planejamento

Em uma rede sem fio, lentidões, quedas e falhas de acesso podem ser geradas pelo mau dimensionamento ou posicionamento do equipamento wireless. Esse desafio acaba por gerar áreas de sombra, interferências e falta de potência, entre outros.

Tanto é verdade que a simples movimentação de antena ou do Access Point (ou a retirada de barreiras) pode resolver a questão da perda ou de baixo sinal do Wi-Fi. Mas é mais fácil evitar isso com uma análise do ambiente, com planejamento da rede!

Equipamentos defasados ou incompatíveis

Para melhorar o ambiente, em muitos casos, o usuário resolve comprar um novo Access Point. Isso, porém, pode piorar a situação! Nem sempre os aparelhos instalados são compatíveis entre si e, além disso, é possível que switches e VPNs estejam defasados.

Identificar esses problemas e solucioná-los com o menor impacto para as operações, exige conhecimento técnico da área de TI interna ou de uma empresa especializada em tecnologia. A lentidão acarreta retrabalho, atraso de emissões de relatórios e documento, custos em horas extras, entre outros malefícios.

Falta de Manutenção e Configuração

Os erros de configuração dos switches, roteadores e Access Point também refletem em problemas no Wireless (podem gerar lentidão e quedas, por exemplo). Isso quer dizer que a reconfiguração dos equipamentos pode ajudar a amenizar os desafios da rede.

Para resolver essa questão, o jeito mais simples é analisar o ambiente e a estrutura de forma detalhada. Com essa avaliação em mãos, será mais fácil entender qual é a posição adequada para os itens de conexão, qual a demanda por novos itens e se esses componentes estão, realmente, entregando alto desempenho.

Quer saber como evitar ou resolver estes problemas? Siga ligado aqui no Blog da Nap IT e descubra como ter o melhor da rede Wireless na sua empresa!